Obrigado, por Aquele Momento.

Não vou esconder o óbvio, gostei de ouvir a tua voz novamente, fez com que o meu coração batesse novamente mais rápido. Sabes que não gosto de falar ao telemóvel  mas naquele momento não sei o que me deu, e decidi ligar-te, pensava que não ias atender, ou que até irias mesmo desligar, por estar em privado, mas não o fizeste. No fundo até acho que já sabias que era eu, a minha felicidade daquele momento não tem descrição, e também senti alegria da tua parte e por mim até poderíamos ter continuado a falar o resto da tarde/noite que não me importava, estava mesmo a gostar do momento de te ouvir outra vez, de nos rirmos, senti ainda mais saudades de tudo. Foi a primeira vez que depois de tudo cair por terra, falamos ao telemóvel. Para ser sincero não esperava que corresse assim tão bem, pensava que até íamos "discutir" por coisas insignificantes, mas não aconteceu, e isso é bom, acho eu. 
Mesmo que não tenhamos dito *palavra proibida* um ao outro, eu gostei de falar contigo :')

(*Palavra Proibida*)

1 comentário: